5 factos sobre o Coronavírus e 3 medidas para ajudar a prevenir infeções
SAÚDE

29 Janeiro 2020

5 factos sobre o Coronavírus e 3 medidas para ajudar a prevenir infeções

5 factos sobre o Coronavírus e 3 medidas para ajudar a prevenir infeções

Não se fala noutra coisa senão no Coronavírus.


Este microorganismo colocou 13 cidades chinesas inteiras em quarentena – o foco da propagação fica em Wuhan. Entre 2019 e 2020, devido a esta nova estirpe do coronavírus, pelo menos 81 pessoas morreram e estima-se que mais de 2700 estejam infectadas.


No entanto, fique tranquilo, pois a Organização Mundial de Saúde, apesar dos dados alarmantes e das notícias que lemos e ouvimos nos media, é unânime ao declarar que “apesar da gravidade, não estão reunidas as condições para declarar uma emergência de saúde pública de alcance internacional”. Já o Centro Europeu de Controlo de Doenças admitiu que as probabilidades de contaminação e transmissão dentro do espaço da União Europeia são baixas, "desde que sejam cumpridas as práticas de prevenção e controlo de infeção relacionadas com um eventual caso importado".


Apesar de em Portugal, até ao momento, não ter sido diagnosticado nenhum caso de MERS-CoV (Síndrome Respiratória do Médio Oriente), é sempre prudente tomar mais cuidados quando se vai viajar ou estar em ambientes como aeroportos, portos e outros locais de contacto com viajantes.


Estes são 5 factos importantes a conhecer sobre este mal:

  1. O Coronavírus foi identificado pela primeira vez em 2012, na Arábia Saudita;
  2. Tendo sido classificado como uma nova estirpe do Coronavírus, é responsável por uma doença semelhante à pneumonia, denominada de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), que entre 2002 e 2003 matou 650 pessoas na China continental e em Hong Kong;
  3. Os sintomas assemelham-se aos de uma gripe: febre, tosse, falta de ar, dores de corpo, garganta e de cabeça e corrimento nasal;
  4. Podem ainda haver sintomas gastrointestinais, como diarreia, náuseas e vómitos;
  5. O caso suspeito de infeção pela nova e mortal estirpe do Coronavírus (2019-nCov) - o primeiro em Portugal - foi negativo após a realização das análises laboratoriais.


Aqui tem 3 dicas de saúde para ajudar a prevenir o contágio

  1. A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que se evite o contacto próximo com doentes com infeções respiratórias;
  2. Lave ou desinfecte frequentemente as mãos – especialmente após contacto direto com pessoas a espirrar, tossir ou a demonstrar sintomas semelhantes. É importante manter as mãos limpas também logo após tocar em maçanetas de portas em locais públicos ou em suportes nos transportes públicos;
  3. Sempre que tossir ou espirrar, cubra o nariz e a boca com um lenço de papel ou com o braço  se desejar mais comodidade escolha uma máscara descartável. Nunca use as mãos.


Para todas as suas necessidades em saúde e bem-estar, conte connosco!

Fontes: Deco Proteste, JN.pt, OMS — Organização Mundial da Saúde, Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC).

Autor

Equipa de Conteúdo My Pharma Spot

Deixe o seu comentário sobre este artigo

O formulário foi submetido com sucesso.
Campo de preenchimento obrigatório.
Campo de email inválido
Campo com limite máximo de caracteres
Este campo não coincide com o anterior
Campo com limite mínimo de caracteres
Ocorreu um erro na submissão, por favor reveja o formulário.

* Campos obrigatórios.